jusbrasil.com.br
28 de Outubro de 2020
    Adicione tópicos

    Senado ficará sem votações até o início de agosto, diz Renan

    Recesso oficial será suspenso porque Congresso não votou lei orçamentária.Senado funcionará no período, mas não terá deliberações no plenário.

    Publicado por G1 - Globo.com
    há 6 anos

    O presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), evitou dizer que a Casa fará “recesso branco”, mas admitiu que, a partir da próxima semana, não haverá votações no plenário da Casa até 4 de agosto.

    O impasse em relação ao recesso dos deputados e senadores, previsto pela Constituição entre 18 e 31 de julho, foi motivado pela não aprovação da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2015, condição para o início das férias dos parlamentares. Em razão do impasse, a Câmara aprovou recesso informal até o fim deste mês.

    Renan Calheiros disse que o Senado manterá o funcionamento das comissões e as sessões de discursos, mas não terá ordem do dia (votações em plenário). O mesmo ocorreu durante a Copa do Mundo, entre 12 de junho e 13 de julho. Dur...

    Ver notícia na íntegra em G1 - Globo.com

    0 Comentários

    Faça um comentário construtivo para esse documento.

    Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)